A cultura do mirtilo

O mirtilo (Vaccinium corymbosum) é também conhecido como o “Rei dos Antioxidantes” e o “Fruto da Juventude”. Está no topo dos alimentos com maior teor de antioxidantes, ultrapassando as vantagens de outros vegetais como repolhos, espinafres e brócolos. É rico em vitaminas, A, B, C e PP, possuindo ainda sais minerais, magnésio, potássio, cálcio, fósforo, ferro, manganês, açucares, pectina, tanino, ácido cítrico, málico e tartárico.

O mirtilo é uma planta medicinal. Podem-se usar quase todas as partes da planta (flores, folhas, fruto e raízes). O fruto é o que contém mais antioxidantes, o que previne os sinais do envelhecimento.

Combina com caça, saladas e outros pratos. É também usado na pastelaria em tartes, bolos, pudins, biscoitos, gelados, batidos e no fabrico de rebuçados. Existe quem faça chá, compotas, chocolate, licores, sumo entre outros.  O mirtilo é um fruto com uma enorme versatilidade.

Variedades mais comuns

  • Aurora
  • Bluecrop
  • Bluejay
  • Brigitta
  • Camélia
  • Chandler
  • Darrow
  • Draper
  • Duke
  • Eliot
  • Legacy
  • Liberty
  • Nelson
  • O’Neal
  • Ozarkblue
  • Reka
  • Star
  • Spartan

Peso das variedades nos produtores

Duke
Draper
Legacy
Bluecrop
Brigitta
Outras

Boletim do Mirtilo

Se é nosso associado e/ou produtor de mirtilo, consulte o nosso Boletim de produção do mirtilo. Se tiver alguma dúvida e/ou experiência para partilhar, fale connosco.

Language